Pacote Fácil head banner

Pacotefácil

SEU GUIA FÁCIL DE VIAGEM

Serra Gaúcha - Rio Grande do Sul

Roteiros turísticos da Serra Gaúcha, no Rio Grande do Sul
Roteiros Turísticos da Serra Gaúcha

Visitar a Serra Gaúcha é como estar em três destinos diferentes: Alemanha, Itália e Rio Grande do Sul. A vantagem é que você vai aproveitar todos eles ao mesmo tempo.

A região alemã é conhecida como Região das Hortênsias. Aqui estão os roteiros turísticos de Gramado, Canela e Nova Petrópolis. Está próxima à região gaúcha, onde você encontra São Francisco de Paula e Bom Jesus.

Já a região italiana é conhecida como Pequena Itália. Aqui você encontra os melhores roteiros turísticos em Bento Gonçalves, Garibaldi e Carlos Barbosa. Os roteiros do Vale dos Vinhedos e do Caminhos de Pedra também ficam nessa região.

Gramado
Chocolates artesanais em Gramado, na Serra Gaúcha

Gramado é o roteiro mais turístico da Serra Gaúcha.

É fácil notar as suas fortes características européias ao se deparar com charmosas casas em estilo enxaimel. Uma arquitetura típica de cidades da Europa.

No inverno, a temperatura pode ficar abaixo de zero. É o cenário perfeito para provar o inesquecível chocolate quente com marshmallow. E para visitar as lojas e fábricas de chocolate artesanal.

No verão, hortênsias azuis transformam a cidade num verdadeiro jardim florido. Agosto é o mês do Festival de Cinema de Gramado.

Canela
Cascata do Caracol em Canela, na Serra Gaúcha

Canela é conhecida como a Capital Brasileira do Ecoturismo.

É ideal para passeios ecológicos e atividades esportivas. O passeio à Cascata do Caracol é um dos mais surpreendentes. Outra atração interessante é o pinheiro de setecentos anos. Se estiver com mais de sete pessoas, tente abraçá-lo.

O centro da cidade tem muitas construções em arquitetura européia. A Catedral de Pedra é uma das mais requisitadas para fotos.

O clima aconchegante e charmoso de Canela costuma atrair os casais, ainda mais, nos dias frios.

Nova Petrópolis
Arquitetura de Nova Petrópolis, na Serra Gaúcha

Nova Petrópolis é conhecida como o Jardim da Serra Gaúcha. Basta um passeio pela cidade para se sentir no meio de um imenso jardim florido e multicolorido.

Nessa região típica alemã é fácil perceber os traços da cultura germânica. Seja nas casas de estilo enxaimel ou nos cafés coloniais. Aliás, a cidade é considerada a terra do café colonial.

Um ótimo programa é participar de um tour rural que passa por propriedades de imigrantes. Cada casa oferece produtos coloniais diferentes. Você pode fazer degustações e assistir shows de música e dança típicos. É um passeio que vale a pena.

Caminhos de Pedra
Casa colonial no Caminhos de Pedra, na Serra Gaúcha

O Caminhos de Pedra é um excelente roteiro de turismo rural. Seu trajeto de 12 km passa por várias casas de colonos italianos.

No caminho você encontra casa da erva-mate, da ovelha e do artesanato. Outros produtos coloniais são as massas, os doces e até o refrigerante natural.

Os restaurantes são rústicos. As refeições são servidas em porões de pedra irregular ou em casas de madeira.

O cicloturismo é uma atividade comum no Caminhos de Pedra. Entre uma parada e outra você pode respirar o ar puro das montanhas e natureza.

Bento Gonçalves
Barris de vinho em Bento Gonçalves, na Serra Gaúcha

Bento Gonçalves é uma das maiores produtoras de vinhos do país. Não é à toa que é conhecida como a Capital Brasileira da Uva e do Vinho.

A maior parte de suas vinícolas está no Vale dos Vinhedos. Mas você vai encontrar a Vinícola Aurora perto do centro da cidade. Numa visita ao local você pode conhecer o processo de fabricação dos vinhos. E no final do tour é feita uma degustação e comercialização de produtos da vinícola.

Outro programa interessante é o passeio de Maria Fumaça. Durante o trajeto você assiste apresentações de música e dança italiana e aprecia a bela paisagem.

Garibaldi
Espumantes de Garibaldi, na Serra gaúcha

Garibaldi é conhecida como a maior produtora de espumantes do país. Não é por menos que é chamada de Terra dos Espumantes.

Uma sugestão é visitar a Rota dos Espumantes de Garibaldi. Você vai encontrar marcas respeitáveis como a Chandon, a Peterlongo e a De Lantier. Durante as visitas é possível conhecer o processo de produção das bebidas, além de degustar e adquirir espumantes de qualidade.

Outra atração é o turismo rural. O roteiro permite visitar propriedades rurais e degustar produtos coloniais. O percurso pode ser feito de bicicleta. É uma dica valiosa. Experimente o passeio!

Carlos Barbosa
Festiqueijo em Carlos Barbosa, na Serra Gaúcha

Carlos Barbosa é um importante roteiro turístico da Serra Gaúcha.

Num rápido passeio você encontra prédios e igrejas centenárias. São locais interessantes para quem gosta de tirar fotos.

Em julho acontece o Festiqueijo. O evento é conhecido como o grande festival gastronômico da Serra Gaúcha. A cidade é referência na produção de queijos nobres.

A estação final da Maria Fumaça é em Carlos Barbosa. O passeio vale a pena não só por seu aspecto cultural, mas pela magnífica paisagem do caminho.

Vale dos Vinhedos
Parreirais no Vale dos Vinhedos, na Serra Gaúcha

O Vale dos Vinhedos é a maior região produtora de vinhos do Brasil.

O circuito é formado por mais de trinta vinícolas. Muitas famosas, como a Miolo e a Casa Valduga. Você pode visitar a maioria. No tour é possível conhecer o processo de fabricação dos vinhos, os parreirais e participar de cursos e degustações.

O roteiro também oferece cantinas, bistrôs e armazéns de produtos coloniais. E ainda conta com um Spa do Vinho e um Complexo Enoturístico, além de ser um dos melhores lugares para quem quer caminhar e pedalar ao ar livre.

Mini Roteiro
Mini roteiro de viagem na Serra Gaúcha, no Rio Grande do Sul

Para aproveitar bem a Serra Gaúcha fique pelo menos dez dias pela região.

O primeiro dia é ideal para ficar em Gramado. No segundo, participe de um passeio em Canela. Numa visita à Nova Petrópolis você completa a região alemã no terceiro dia de viagem.

O quarto e quinto dias você pode separar para Bento Gonçalves e o Vale dos Vinhedos. No sexto dia visite Garibaldi. O oitavo dia é ideal para passear de Maria Fumaça e visitar Carlos Barbosa. No nono dia você pode fazer o roteiro do Caminhos de Pedra. No décmo dia, descanse.

Outros Atrativos
Outros atrativos na Serra Gaúcha e arredores

Agora, pode ser que você queira esticar sua viagem. Existem outros atrativos interessantes na região.

Uma ótima dica é visitar as cidades de Caxias do Sul, Farroupilha e Flores da Cunha. Todas na região italiana da Serra Gaúcha.

Há também as cidades de São Francisco de Paula e de Bom Jesus na região gaúcha.

Mas veja bem: você pode querer ficar mais. A opção é visitar Cambará do Sul. A cidade fica na divisa entre o Rio Grande do Sul e Santa Catarina. É uma região que surpreende pela beleza e imensidão dos seus cânios.

Foto da autora do site


Criadora e produtora do site Pacote Fácil, onde elabora guias de viagem sobre os mais de 12 estados brasileiros e 60 destinos que já visitou. Trabalha com internet desde 2008. Exerce as funções de Programadora e Gestora de Conteúdo Web e para Mídias Sociais. Natural da cidade de São Paulo, também escreve sobre vinhos, uma de suas paixões, tendo ministrado cursos de degustação para grupos de enoturismo.

comments powered by Disqus